Pizza Branca Alsaciana

19.5.15

Esta massa já tinha sido testada anteriormente e foi uma verdadeira descoberta. Faz-se rapidamente e chega à mesa num ápice. O ideal para nos simplificar a vida. 

Depois disto nunca mais segui qualquer outra receita de massa para fazer pizza (os puristas italianos que me perdoem).

Resolvi experimentá-la depois de pesquisar o significado da palavra alemã Flammkuchen. Fiquei a saber que foi criada por agricultores alemães da Alsácia, tendo servido originariamente para testar o calor dos fornos de lenha: as brasas eram empurradas para um canto de forma a dar espaço a esta massa no meio do forno, a qual cozia em calor intenso em cerca de 1 a 2 minutos.A crosta que formava nos cantos era quase queimada pelas chamas, o nome vem desta forma de cozimento.

Actualmente há quem confeccione esta massa com fermento de padeiro e ovo. Pessoalmente penso que não faz sentido a introdução destes dois ingredientes porque torna o processo mais demorado, obrigando a um tempo de descanso. Não são mesmo necessários.
Basta combinar farinha, azeite, sal e água, trabalhar rapidamente até obter uma massa homogénea e elástica esticando-a de seguida com um rolo sobre uma superfície enfarinhada até que fique bem fina.
Pode ser levada ao forno, aberta ou fechada. Deve ser cozida na temperatura mais alta possível do forno e em menos de 5 minutos fica pronta.


A tradicional base de tomate também foi dispensada porque as pizzas brancas são as minhas preferidas, todos os outros ingredientes da cobertura ficam com um sabor mais destacado.

RECEITA

Ingredientes  (para duas pizzas grandes..sim grandes!!)

Massa:
250g de farinha de espelta
2 colh. de sopa de azeite
sal q.b.
125 ml de água

Recheio:
Queijo philadélfia (usei uma embalagem)
Queijo da ilha ralado (usei 100 g)
1 bola de Mozzarella
1 curgete
8 cogumelos médios
sal e pimenta
2 cabeças de alho picadas
azeite qb
oregãos qb

Misturar os ingredientes da massa até obter uma consistência uniforme e elástica. Esticar o mais finamente possível  e colocar em formas furadas próprias para pizza.
Bater o queijo philadélfia de forma a ficar mais cremosoe fácil de espalhar (pode juntar uma colh. de sopa de natas), envolver o queijo da ilha previamente ralado. Temperar com pimenta.Reservar.
Lavar a courgete, retirar as pontas e cortar da forma que gostar (eu cortei em palitos). Fatiar os cogumelos.
Aquecer o azeite e os alhos picados numa frigideira e saltear rapidamente a curgete e os cogumelos de forma a que não fiquem demasiado cozinhados. Temperar com sal e pimenta.
Espalhar a mistura dos queijos cuidadosamente sobre a massa. Colocar os vegetais por cima e de seguida o mozzarella  esfarrapo com as mãos. Polvilhar com oregãos e regar com um fio de azeite.
Levar a cozer em forno pré-aquecido a 250º (ou a temperatura máxima que conseguir) cerca de 10 minutos.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Blogger Widgets

AddThis